GESTÃO FISCAL E DESENVOLVIMENTO HUMANO NOS MUNICÍPIOS DO PARANÁ

Lorena Sibila Romano, Gustavo Nunes Mourão

Resumo


Este artigo se propõe a estudar os 399 municípios do Estado do Paraná (sendo que, dentre eles, 394 foram considerados na análise), os quais possuem características específicas e potencialidades diferentes para seu desenvolvimento, variando em número de habitantes, infraestrutura e disponibilidade orçamentária. O objetivo desta pesquisa é testar se existe correlação entre a gestão fiscal e o desenvolvimento humano de todos os municípios. Para alcançar esse propósito, foi utilizado como proxy para o desenvolvimento humano o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) e para representar a qualidade da administração dos recursos públicos foi utilizado o Índice FIRJAN de Gestão Fiscal (IFGF). O artigo inicia-se com o panorama geral do Estado do Paraná e posteriormente são explicadas as metodologias do IFGF e IDHM. Por fim, são apresentados os resultados empíricos, chegando-se à conclusão de que o IFGF possui correlação com o IDHM. O resultado encontrado foi de 6,28% no ano de 2010.

Palavras-chave: Paraná. Gestão Fiscal Municipal. Desenvolvimento Humano Municipal. Munícipios.


Palavras-chave


Paraná. Gestão Fiscal Municipal. Desenvolvimento Humano Municipal. Munícipios

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.