EVOLUÇÃO DA DÍVIDA PÚBLICA MOBILIÁRIA FEDERAL INTERNA NO BRASIL DE 1995 A 2002

Vanessa Lucas Gonçalves, Sérgio Luiz Túlio

Resumo


Este artigo tem por objetivo analisar a evolução da Dívida Pública Mobiliária Federal interna (DPMFi) brasileira no período de 1995 a 2002. Pois, desde o segundo semestre do ano de 1994, com a implantação do plano de estabilização de preços (Plano Real), a DPMFi em poder do público e sua proporção em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) tem elevado-se constantemente, diferentemente do comportamento que vinha apresentando até então. Este artigo é o desdobramento de um trabalho acadêmico de final de curso de graduação. Seu objetivo foi o de testar a hipótese de pesquisa, segundo a qual o Plano Real foi um fator determinante para a evolução da DPMFi em poder do público no período de estudo. Para tanto, aplicou-se um modelo econométrico de regressão múltipla polinomial, por meio do qual foi possível verificar um alto grau de correlação estatística entre a DPMFi e o índice de preço ao consumidor amplo (IPCA), utilizado como variável proxy dos efeitos do Plano Real. Este resultado demonstra a forte ligação do c scimento da DPMFi com as medidas adotadas para o controle do processo inflacionário a partir de julho de 1994 no Brasil.

Palavras-chave: Dívida Pública interna. Inflação. Plano Real. DPMFi. IPCA.


Palavras-chave


Dívida Pública interna. Inflação. Plano Real. DPMFi. IPCA

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.