LEITURA, INTERPRETAÇÃO E COMPREENSÃO DOS GÊNEROS TEXTUAIS NO CONTEXTO COMUNICATIVO DA EAD

Cristina Luciana Grudginski, Juliana Simões Bolfe

Resumo


Com o advento da internet e as novas tecnologias, a educação passa por um processo de constante mudança. Nesse cenário, está a educação a distância, que ainda faz uso de metodologias convencionadas para as aulas presenciais, entre as quais estão a leitura e a produção textual. Por esse ser um aspecto relevante para a aprendizagem, assim como os gêneros textuais e a sua apropriada compreensão no processo de ensino-aprendizagem, entendeu-se que havia a necessidade de pesquisar, a partir da realidade, como são percebidos tais gêneros por professores e alunos de um mesmo curso. O objetivo, portanto, foi o de verificar, a partir da análise da realidade do curso de Pós-Graduação em Docência Universitária, ofertado na modalidade a distância, pela FAE Centro Universitário, como os gêneros textuais são cobrados pelos professores e a percepção dos alunos sobre os gêneros presentes nas atividades propostas. Foi realizado, para isso, um estudo teórico, objetivando o embasamento dos conceitos e das teorias apresentados, u levantamento de dados na plataforma de estudos Moodle do curso em questão e, em seguida, foram aplicados questionários aos professores e alunos do referido curso. Os resultados obtidos demonstram, entre outros aspectos, que apesar dos diversos enunciados propostos nas atividades, professores e alunos estiveram em sintonia no decorrer das avaliações. Além disso, os integrantes de ambos os grupos acreditam ser o conteúdo o fator mais relevante nas produções textuais. O presente estudo, entretanto, devido à complexidade do tema, não visa apresentar verdades e conclusões absolutas, uma vez que o objeto de pesquisa é extremamente abrangente e complexo.

Palavras-chave: Educação a Distância. Novas Tecnologias. Gêneros Textuais. Enunciados.


Palavras-chave


Educação a Distância. Novas Tecnologias. Gêneros Textuais. Enunciados

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.