ELABORAÇÃO DA METODOLOGIA DE COLETA E ANÁLISE DO ÍNDICE DE PREÇOS AO CONSUMIDOR JOVEM (IPCJ)

Daniel Augusto Banack Diniz, Arnon Rodak Andrade, Rafael Polay Alcântara, Adriano Toledo Pereira

Resumo


A partir do embasamento das finanças e o comportamento de consumo do brasileiro, em específico do jovem, o presente estudo teve como objetivo, determinar quais as áreas do varejo que mais impactam no comportamento de compra dos jovens brasileiros. Fundamentado nos resultados do estudo têm-se condições de elaborar a metodologia de coleta, análise e verificação da variação de preços ao consumidor jovem. Assim o projeto analisou de que forma áreas como alimentação, comunicação e tecnologia, lazer e   entretenimento, educação, transporte, vestuário e saúde e cuidados pessoais, impactam nas escolhas dos jovens, seja nas decisões de compra ou como pagadores. Além das áreas, foram analisados também, os principais itens de cada uma delas, as marcas, locais de   compra, as formas de compra e a organização dos gastos para cada uma delas. Para a obtenção dos dados aplicouse um questionário com perguntas de múltipla escolha, abertas e com escalas, em uma amostra de 3705 jovens, definidos com idades entre 15 e 24 anos,  conforme os estudos do IBGE, as quais responderam sobre as sete áreas. Essa amostra foi segmentada por idade, sexo, renda e escolaridade. Os dados proporcionaram demonstrar o perfil de compra dos jovens, quais as áreas têm maior importância, as marcas mais relevantes e os locais mais frequentes das compras. Sendo a área de Comunicação e Tecnologia a mais relevante ao jovem, a alimentação de Fast-Food a mais desejada e Música o seu lazer preferido. Diante do exposto recomendou-se a continuidade deste    estudo, para que seja realizada a formatação da metodologia do Índice de Preços ao Consumidor Jovem – IPCJ.


Palavras-chave


Jovem. Comportamento de Compra. Índice de Preços. Varejo. Consumo

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.