UMA ANÁLISE DA ESTRUTURA CONCEITUAL DA CONTABILIDADE BRASILEIRA APÓS A CONVERGÊNCIA ÀS NORMAS INTERNACIONAIS DE CONTABILIDADE, COM ÊNFASE NA TRANSPARÊNCIA E QUALIDADE DAS INFORMAÇÕES CONTÁBEIS PARA OS USUÁRIOS EXTERNOS

Simone Wanke Vasques, Érico Eleutério da Luz

Resumo


Este estudo se caracteriza pela análise estrutural da contabilidade brasileira após a convergência às Normas Internacionais de Contabilidade (International Financial Reporting Standards – IFRS), as quais trouxeram alterações na Lei n. 6.404/1976 da Sociedade Anônima (SA). Sendo assim, o objetivo deste estudo é verificar se a adoção das IFRS apresenta maior transparência e qualidade nas informações contábeis para os usurários externos. Serão apresentadas as principais alterações que ocorreram na Lei n. 6.404/1976, pelas Leis n. 11.638/2007 e n. 11.941/2009, e como estas alterações foram realizadas em uma SA no ramo de cosméticos, por meio de estudo de caso. Adotou-se a metodologia de pesquisa descritiva e abordagem quantitativa. Este estudo também tem o intuito de alavancar novos pesquisadores que desejam se aprofundar neste assunto ou servir de apoio a outras pesquisas.

Palavras-chave


Contabilidade. IFRS. Convergência às Normas Internacionais

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.